27/11/16

Engatilhado

Sei que há tempos não vemos aquele velho e maroto Overdose Homeopática, safadinho, danadinho e sempre atualizado, mas a causa é nobre. Vamos lá!

Como não é surpresa, desde que lancei meu primeiro livro, tenho explorado outros formatos que vão além das tiras de humor, como o Aos Cuidados de Rafaela, a graphic novel que desenhei em parceria do roteirista Marcelo Saravá, depois o Mute, série de quadrinhos mudos e com um humor mais "arrojadinho" e bastante experimentação gráfica. Agora me lanço, também, como roteirista e publico o FINÓRIO, minha primeira experiência em escrever uma graphic novel. Uma história com 240 páginas. Prévias no final desse post. 

a capa
Antes de prosseguirmos: o FINÓRIO será lançado na CCXP de 1 a 4 de Dezembro, estarei na MESA C31 também com os outros livros, algumas gravuras e ao lado do Marcelo Saravá e seus livros. Só colar lá pra batermos um papo, falarmos de política, paz mundial e cu (claro). Ah, estarei autografando os livros, importante de se lembrar.

PRA QUEM NÃO VAI NA CCXP: O livro já está em pré-venda com FRETE GRÁTIS no site da ZARABATANA. Só clicar AQUI e receberá na sua casa a felicidade em formato de livro.

QUE PORRA É FINÓRIO?

Finório conta a história de Francisco, ou simplesmente Frank, e a dificuldade que sente em lidar com as violências do mundo. Por onde quer que caminhe, se vê constantemente envolvido com atos violentos, que se tornam um grande obstáculo em sua vida. Tímido, não consegue lidar com percalços como o bullying, a violência doméstica e a criminalidade, preferindo sempre se esquivar a enfrentá-los.
A violência fascina a uns mais do que a outros e não há meio de se mensurar isso. Da adolescência à idade adulta, a dificuldade do personagem principal em confrontar seus desafetos o leva a buscar soluções imprevisíveis, alimentadas pelo crescente ódio.
Finório é uma análise do impacto da violência sobre a vida das pessoas. Dos limites de cada indivíduo. Das diferentes reações perante atos violentos e o fascínio que eles podem causar.

Saiu na PAPO DE QUADRINHOS um post sobre o livro.





É isso, amigos, nem só de tiras de cu sobrevive um homem. Comprem o Aos Cuidados de Rafaela, o Mute e agora o Finório. Lembrem-se de que a produção dos quadrinhos nacionais está em ebulição, é muito coisa e muita coisa de QUALIDADE, portanto, pesquisem novos autores, conheçam, prestigiem e incentivem os artistas brasileiros.

Para o ano que vem: em papel, nada certo, mas estou com saudades de publicar por aqui e esse blog voltará a ser atualizado com frequência, principalmente com novas tiras de humor e da série Mute.

Passado o evento, volto por aqui pra falar mais detalhadamente sobre a produção do livro, as primeiras impressões dos leitores, o evento e sobre o inevitável fim do mundo que nos avizinha.

Nos vemos na CCXP.



16/06/16

politicamente correto


Além da venda online, os livros estão disponíveis em várias livrarias especializadas, as mais recentes a disponibilizarem foram: Leitura (Campinas), Ilustrarquia (São Paulo) e Sorocomics (Sorocaba), esta última tem inauguração marcada para o próximo dia 24.

Obs: O Overdose Homeopática está com a tiragem na reta final. Garanta o seu.

 

14/06/16